ACESSE

Temer nomeia defensor de Lula que chamou impeachment de 'escárnio'

Telegram

Michel Temer nomeou para a Comissão de Ética da Presidência um advogado que defendeu a candidatura de Lula e atacou o impeachment de Dilma Rousseff, conta Eduardo Barretto em Crusoé.

André Ramos Tavares, professor de direito na USP, escreveu que rejeitar o registro eleitoral do presidiário seria “assumir abertamente o desprezo com os direitos humanos”. E disse que não haveria mais “democracia no Brasil” se Dilma fosse destituída.

Clique AQUI para ler a íntegra da reportagem em Crusoé.

Comentários

  • Leonardo -

    Sim, esse pessoal entende muito de ética...

  • Ferreti -

    Acho que Temer está preparando algum golpe pois sabe que assim que entregar a faixa, poderá ser preso.

  • Discordo -

    Novidade?

Ler 29 comentários