Teori e a Oi (3)

Na ação, Lindbergh e companheiros argumentam que a mudança do regime de concessão para o de autorização significará a transferência de R$ 100 bilhões em ativos da União para as operadoras. A Oi, com dívidas acumuladas de R$ 65 bilhões, será a maior beneficiada.

Faça o primeiro comentário