Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Terrivelmente divididos

Os neopentecostais apoiam o ato golpista de Jair Bolsonaro, mas as igrejas protestantes tradicionais são mais prudentes
Terrivelmente divididos
Foto: Isac Nóbrega/PR

O golpe de Jair Bolsonaro está dividindo os evangélicos.

Diz o Estadão:

“No momento em que o chefe do Executivo perde popularidade, capital político e incentiva o confronto com o STF, a cúpula de denominações neopentecostais e pentecostais continua apostando nele. As igrejas protestantes históricas, como Batista, Metodista e Presbiteriana, por sua vez, deram menos atenção ao chamamento para os atos bolsonaristas.

A última convocação para o 7 de Setembro circulou no WhatsApp na semana passada. São pastores televangelistas e influenciadores digitais. Aparecem no vídeo Cláudio Duarte (Projeto Recomeçar), Renê Terra Nova (M12), Samuel Câmara (Assembleia de Deus em Belém), César Augusto (Fonte da Vida), Silas Malafaia (Vitória em Cristo) e Estevam Hernandes (Renascer em Cristo). Outro rosto conhecido na gravação é o do ex-senador Magno Malta (PL-ES), que é cantor gospel.”

Edir Macedo, por outro lado, ainda não se manifestou.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO