"Todo mundo está sendo chamado a contribuir"

O Estadão perguntou a Adolfo Sachsida, do Ministério da Economia, como ele se sente com a reforma previdenciária, que vai tomar uma parte de seu salário.

Ele respondeu:

“Graças a Deus! Eu me sentia muito mal antes. Estou nessa elite de funcionários públicos. Todo mundo está sendo chamado a contribuir. Políticos, magistrados, funcionários público de alto escalão… Por isso, ela é justa.”

Comentários

  • salete -

    A reforma é necessária sim para todos, se existe projeto separado é claro que um é um engodo. Quero saber se algum banco falir e não assegurar a previdência privada quem vai assumir este en

  • Marco -

    Hipócritas, eles vão cortar cana até os 65 anos e depois se aposentar comum salário mínimo?

  • Arthur -

    Todo mundo.... menos os militares... O tosco nao aprendeu com o erro de Temer q abriu mao para "CLASSES", tipo professores, militares etc.. e deu no que deu. Muito tosco, nao aprende com ninguém.

Ler 15 comentários