Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Toffoli arquiva mais uma ação contra Guedes por offshore

Em 5 de outubro, ministro do STF já arquivara ações semelhantes; existência de empresas do titular da Economia foi revelada na investigação "Pandora Papers"
Toffoli arquiva mais uma ação contra Guedes por offshore
Foto: Adriano Machado/Crusoé

O ministro Dias Toffoli, do STF, extinguiu mais uma ação contra Paulo Guedes (foto) por conta da informação de que ele possui uma offshore. A ação foi apresentada pelo PDT, que solicitava que a Corte pedisse para a PGR investigar suposto cometimento de diversos crimes, como o de lavagem de dinheiro.

“Em hipóteses como a presente, portanto, em respeito ao sistema acusatório, não há como o Judiciário substituir a atividade ministerial exercendo juízo valorativo sobre fatos alegadamente criminosos, atribuição exclusiva do MP, tampouco cabe ao Judiciário que solicite a abertura de investigação como constou na inicial. O requerente pode apresentar a noticia crime diretamente à Procuradoria-Geral da República, não cabendo ao Judiciário imiscuir-se na atuação daquele órgão ou substituir o cidadão nesse encaminhamento”, disse Toffoli.

Em 5 de outubro, Toffoli já havia arquivado outras ações semelhantes. Uma das petições era de autoria do senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP) e tem como alvos Guedes e Campos Neto. A outra, da Associação Brasileira de Economistas pela Democracia.

A existência de empresas do ministro e do presidente do Banco Central no exterior foi revelada no último fim de semana pela investigação chamada “Pandora Papers”, do Consórcio Internacional de Jornalistas Investigativos.

 

Mais notícias
TOPO