Toffoli atrasa julgamento de ações que contestam penduricalhos

Dias Toffoli retirou da pauta do STF para o ano que vem ações que contestam penduricalhos — como auxílio-alimentação e auxílio-saúde — a juízes e promotores estaduais, relata a Folha.

Segundo o gabinete de Toffoli, por ter tomado conhecimento de mais casos semelhantes, o ministro achou melhor mudar a pauta para analisar todos os processos juntos.

Como lembra o jornal, quanto mais o julgamento dessas ações demorar, por mais tempo os benefícios serão recebidos.

Brasil, 2019 — O seu guia para compreender o ano que vai sacudir a nação (e sobreviver a ele) AQUI

Temas relacionados:

Comentários temporariamente fechados.

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Ler mais 25 comentários
  1. Quando a caixa preta do judiciário for aberta, novos e imensos presídios terão que ser construídos. É uma roubalheira, uma corrupção, uma bandidagem sem tamanho. Em todos os níveis.

  2. O senador Reguffe abriu mão de salários extra, carro oficial, auxílio moradia, etc., diminuiu o número de assessores de 25 para 9, e com isso, economizou 16, 7 milhões em seu gabinete. Bom exemp

  3. Quanto mais tempo eles continuarem a receber essas regalias e mordomias (penduricalhos) mais um motivo para alegarem direito adquirido, o funcionalismo adora meter suas mãos sujas no bolso do povo

    1. Não se esqueça que, ele também é beneficiário, voçe acha que ele vai abrir mão de suas regalias e mordomias auto adquiridas.

  4. Maldito establishment. Não faz outra coisa que não seja parasitar o estado. Em vez de usar a inteligência que tem para o bem, vive para proteger bandidos e inventar penduricalhos. Estamos de Olho.

    1. Tmbém com um salários nababesco para o padra do mínimo que a maioria dos brasileiros recebe, e ainda trabalham em locais de muito bom conforto.

    1. Prezada Noely, os valores mencionados são pagos na iniciativa privada independentemenre do salário e do cargo. Seria muito bom vc passar um dia com um juiz, para conhecer melhor o trabalho deles.