ACESSE

Toffoli defende decisão do STF sobre candidaturas femininas

Telegram

Dias Toffoli defendeu hoje a decisão do STF de obrigar os partidos brasileiros a destinarem 30% dos recursos do fundo partidário a candidaturas femininas, registra o Jota.

Mais cedo, Rodrigo Maia havia criticado a decisão, relacionando-a ao aumento dos casos de candidaturas laranjas de mulheres.

“Toda vez que o Judiciário legisla, dá problema. (…) A Justiça resolveu pegar (…) decisão nossa e levar como interpretação de que, se o número de vagas é de 30%, o financiamento é 30%. Todos nós avisamos que isso seria problema”, disse o presidente da Câmara a O Globo.

Na abertura de um evento em homenagem ao Dia da Mulher, o presidente do Supremo respondeu:

‘“No ano passado, esta corte ressaltou a importância da garantia do percentual mínimo de recursos do fundo partidário para as candidaturas femininas. E houve um reflexo, houve aumento das mulheres eleitas.”

Vale a Pena Ver de Novo? Será Que a Novela da CPI da UNE Irá Se Repetir? Descubra aqui.

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 83 comentários