Toma lá, dá cá

A Folha de S. Paulo, em editorial, aplaudiu o toma lá dá cá entre Jair Bolsonaro e Rodrigo Maia:

“Caso a aliança de fato prospere, trata-se do passo mais importante, até aqui, na articulação do novo governo com o Congresso — e o sinal mais promissor para o avanço de uma agenda econômica politicamente difícil (…).

Por mais que se abominem as velhas barganhas de cargos e verbas, a concertação de um programa com o Congresso é uma imposição do presidencialismo democrático.”

O que o brasileiro quer de Jair Bolsonaro? Leia aqui

Temas relacionados:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

Ler mais 181 comentários
  1. Bivar e Joice estão fazendo do PSL um partideco nanico, ao dobrar o partido pra que os dois ocupem algins cargos. E ainda a Joice parece querer a liderança. Não é fisiologismo, é estrelismo.

  2. Mas que barganha? Foi feito um acordo: Maia, líder do Centrão assume a presidência e o PSL fica com as principais e importantíssimas comissões como a CCJ e a CAE. Onde está a troca de favores ni

    1. … com os cargos. E o psl sai como um partido nanico. Pois Maia não tem compromisso com a agenda anti-corrupção, ou com a agenda conservadora.

    2. Isso não quer dizer nada, pois quem fica com essas comissões é quem apoiou Maia, não quem é mais capacitado. Daí você deduz que Joice, Bivar, e que mais participou da articulação, ficará…

    3. Impressionada c/a má fé dos jornalistas. Insistem q/aliança é sinônimo de barganha, favor, toma-lá-dá-cá. O mundo ñ consegue girar se não fizer acordos, o que não quer dizer q/eles sejam es

  3. Mídia sem-vergonha e desonesta! Não houve barganha de verbas, senão apoio do PSL a candidata do Maia a presidência da Câmara, e lógico, evidentes, cargos na mesa para o Partido. Simples assim…

  4. Não é “toma lá, dá cá”, Antagonistas. Na democracia se chama pragmatismo político. Nenhum presidente da República governa sem o Congresso. Vide os exemplos extremos nos EUA e na Venezuela.

    1. Isso se chama “projeto pessoal” de 3 ou 4 parlamentares do PSL, que só com Maia tem a garantia de serem eles, e não quaisquer outros do partido, a ocuparem cargos em comissões. Mesmo que…

  5. Durante a campanha, todos lembravam ao Bolsonaro que ele não poderia governar sem acordo com o Congresso. Não me pareceu que a Folha esteja criticando, por incrível que pareça. Freixo não!!!

  6. q toma lá dá cá?? o anta tá pisando na bola. acha q o PSL deveria ficar isolado e vendo o Freixo ganhar a presidência? menos Folha, antagonista. estão citando o jornaleco demais

    1. Freixo ganhar? Deixe de cair como patinhos na narrativa de quem quer cacifar cargos, ao oferecer o PSL em apoio à candidatura de Maia. Usam até Freixo, que não tem chances, como espantalho.

    1. Como esses eleitores do Bozo são cegos surdos e mudos, não conseguem definir um ladrão na sua frente por que eles sabem que são, só que não querem admitir, parem de protegerem corruptos.

  7. Não é nada parecido com o toma lá dá cá que se via antes. Não é em torno de cargos para roubarem ou propinas. É o compartilhamento do poder com os objetivos mais nobres: o bem-estar do povo.

  8. Não vejo atitude de toma lá dá cá pois o que vejo é uma negociação para eleger presidente da Câmara com condições de pautar agenda econômica do presidente, pois acredito ter acertado, COMUN

  9. Não vejo como “toma lá, dá cá” troca de apoios políticos; isso faz parte da política e suas possibilidades desde que não envolva corrupção. Ha um certo maquiavelismo nessas colocações.

    1. Tem muita gente acompanhando demais os vídeos, vídeos de quem quer fazer parecer que Maia é um primor de opção pra presidir a câmara.

    1. Besteira. Isso é uma narrativa sensacionalista pra quem apoia Maia, dentro do PSL, conseguir cargos ou a liderança do partido.

  10. Compreensível a decisão do Bolsonaro, pois, existem momentos na vida em que somos compelidos à optar pelo “menos pior”. Foi baseado nessa premissa que passei a ser leitor de O Antagonista.

    1. Não é decisão do Bolsonaro. Acompanhe a discussão recente entre Joice e Eduardo. Acompanhe os tuítes do perfil @reaconaria, de uns 6 dias pra cá. Eles explicam bem.

    1. Tudo contra. Por causa dos projetos de Joice, Bivar, e sei lá mais quem participou dessa articulação pró-Maia, em troca de cargos pra si, o PSL se apequenando, e esteve inerte desde outubro.

  11. Pode ser a opção boa para o “mercado”, mas Bolsonaro foi eleito justamente dizendo o contrário, que não faria esse tipo de barganha. De quantos milhões de votos foi o estelionato apenas neste c

    1. Helena, os ministérios n foram loteados. Estão repletos de técnicos competentes. Para as propostas destes ministros técnicos virarem leis, o executivo tem q negociar com o congresso. Isso n tem je

    1. …Maia não é o melhor ome, e a batalha ainda está acontecendo. Alguns s quer ele porque acham mais fácil terem os cargos da câmara, assim.

    2. Essa hashtag direitaunida está sendo usada pelos 3 ou 4 que estão articulando apoio a Maia, no PSL, ora poderem ter as comissões pra si. Ao menso é a explicação majoritária que tenho visto.

    3. Na campanha foi discutido o loteamento dos MINISTÉRIOS em troca de apoio, q de fato n ocorreu. Mesmo os ministros q são políticos são bons técnicos em suas áreas de atuação.

    1. Por que? Responde aí: na discussão entre Joice e Eduardo, quem tinha razão? Dependendo da resposta, dará pra entender por que a ideia de apoiar o Maia é “boa”.

    1. Quem garante? E se, de novo, dois ou três ali frustraram as expectativas de todos os parlamentares do partido, ao negociarem comissões pra si, deixando de apoiar nomes melhores pra casa?

  12. Toma lá da cá são indicaçoes politicas para ministérios de ” porteira fechada”, é sobre isso que Jair se referia, sobre Maia seu partido ( PSL) está se fazendo política, ou isso é proibido

    1. … ocupar uma comissão. Será? Tem sites explicando bem essa narrativa sensacionalista que usam pra captar apoio a Maia, que só tem siglas, mas não votos. Até Freixo usam de espantalho.

    2. Mvoces estão abduzidos pela narrativa do Bivar e da Joice, está que quis ser até governadora. Brigou pela liderança com Eduardo Bolsobaro, e agora, pelo que alguns dizem, articula pra…

    3. Sim! Exato. É uma estratégia. Trocar apoio por uma cadeira na mesa ou presidência de comissão é fazer política.

  13. Leio Antagonista desde o primeiro post mas acho que eles estão brincando de Deus ou de videntes tentando criticar movimentos do governo como se as intenções fossem as mesmas do gov PT.

  14. a folha é acusada de ser a principal mentora da derrubada da Dilmoca, odiada por esquerdistas, lullistas, centristas, direitistas, bolsonaristas. Tem uma metralhadora giratoria, kkkkkk.

  15. Convenhamos que não é como no governo anterior. A “troca” não está gerando nenhuma despesa extra como a indicação de apadrinhado político para estatal ou comissionado. Ele está usando as p

    1. E o risco de projetos conservadores pra segurança, educação, cultura, moral, costumes, política externa, não serem votados? E a agenda anti-corrupção? O risco deve-se ao estrelismo de uns.

  16. Me digas com que BOTAFOGO Maia andas e eu te direi quem és. As nossas expectativas foram frustradas. Brasília respira aliviada com o continuismo, Temer reina com sua reforma da previdência.

  17. Com o chefe da quadrilha preso, o PT não é nada. Quem representa o PT hoje no Brasil, sendo a última trincheira, é a Foia, onde tem um covil de jornalistas com distúrbio mental pela corrupção.

    1. Não é. O Maia não tem compromisso com a agenda conservadora, anti-corrupção, exergie isso. Ou então os que apoiam Maia, abduzidos pela narrativa da Joice, irão pedir manifestações de rua…

    1. … mesmo que ajam pessoas mais competentes no PSL, o objetivo é quem apoiar Maia ter a comissão, ou cargo da câmara. Fisiologismo do bem.

    2. E Alcir acredito que isso é bom. Isso cheira a estrelismo de quem está aloiabdo Maia. Ou alguém acha que não serão os 3 ou 4 que estão apoiando Maia a assumirem as comissões?

    3. A composição do PSL com Maia, foi exatamente para abortar armação que PT e PP estava articulando para apoiar Maia e assumirem as comissões de Constituição e Justiça e outra importante.

    1. Mas Eduardo Bolsobaro não apoia Maia. Joice apoia. Se você ver, nesse site mesmo, as discussões entre Joice e Eduardo, dará razão a ele. O @reaconaria, no twitter, tem argumentado bem.

  18. A eleição passou. Agora é hora de governar e reformar o BR q nunca foi liberal e sim capitalista D”Estado. É preciso ter votos no legislativo. Vcs querem reformas por decreto? Avante. Brasil!

  19. Quem quer atacar o BOLSONARO é a FOLHA ou o ANTAGONISTA? A resposta deve esclarecer haja vista que na NOTA aqui apresentada DESTA VEZ quem falou em TOMA LÁ DÁ CÁ foi apenas o ANTAGONISTA.

    1. Antagonista não está atacando, apenas cita o fato. O tempo dirá se Bolsonaro está “jogando” certo. Se Moro e outros, saírem do governo, será a prova que tem algo errado.

  20. No Brasil a democracia é plena para os ricos e poderosos, já para classe média é sonho, mas palpável algumas vezes, para os pobres é palavra chique pra descrever coisa nenhuma…

    1. …”mas mamãe, está justiça não cabe em mim, tá muito apertada! Ah! Então vamos no shopping do supremo, lá mamãe é comadre do tio Gilmar que vai “dar” uma justiça bem bonita…*

    2. O mesmo pode-se dizer da justiça, que no Brasil é artigo de luxo. É tipo ir ao shopping: “Filha, que justiça você quer hoje? Acho a branquinha com risquinhos azuis linda…”

    3. Quem disse que a “democracia” é o melhor regime? NÃO É. O melhor regime seria transformar um cara bonzinho como Bolsonaro em rei com poder total, pra poder matar todos os bandidos.

    1. MAV petista, o único traído é você, que acreditou que o Lula ia te arrumar um cargo vitalício na Ditadura Bolivariana do Brasil e acabou preso.

    1. Esse trotskistazinho acabou com o país agora tá preocupado com o salariozinho do Marun! Antes era : eu amo Dilminha, Gilberto Carvalho, os três porquinhos da dilminha… canalhada

    1. Bozonaro venceu unsando a mesma tática da propaganda e disseminando o medo. As últimas décadas foram arrasadoras, mas os esquerdismo foi muito mais retórica do q prática. Pilhagem e incompetên

    2. Clássico, criar o problema para vender a solução. Seu político preferido está fazendo tudo o contrário do que havia prometido no palanque. Ateh aí sem novidade, o mesmo par o futuro, sem no

    1. A essência da democracia “É” o toma lá dá cá. O problema é que aqui tá sendo o toma toma toma toma toma toma toma toma toma toma toma toma toma e um da cazinho.

    2. Democracia é essa coisa que você tá vendo aí. Pro país ser perfeito, só tendo um rei bonzinho e com poder total, pra poder matar quem for ruim.

  21. O Antagonista não tem outra fonte senão a Folha? Devem ganhar comissão para “reedivulgar” as interpretações tortas da Folha… Não é toma lá dá cá é estratégia “Anta-Gonista”!

    1. Isso é o PSL se apequenando perante Maia, com alguns parlamentares apoia do ele pra serem eles a ocuparem comissões, mesmo que tenha gente elhor no PSL. Nós só tem siglas, mas não tem votos.

  22. Jura peteba? Se seu poste fosse eleito, qtos toma lá dá cá seriam feitos? E aí seria o troca troca petista nojento de sempre. Se liga, você não tem moral para dizer nada. Vai comer mordatela!

  23. Essa FSP vai ficar de bico e brincando de mode assopra com o governo que não apoia por quatro anos e vocês vão entrar na brincadeira também, Antas? Vão contaminar o trabalho de vocês com esse li

  24. Eu, PSL, apoio a candidatura do Gordinho e em TROCA, quero o controle de uma comissão da Câmara. O que é isso, virgens do paraíso? Não é toma lá, dá cá? Inocentes de araque, bando de desones

    1. … Maia é o Renan da câmara e alguns só o apoiam pra serem eles a ganharem os cargos não importa se tiver alguém melhor no partido.

    2. Juciara, leia todos os tuítes do perfil @reaconaria, de 6 dias pra cá. Eles tem feito bons argumentos contra essa narrativa de que Maia é o nome a ser apoiado. Muito pelo contrário.

    3. DiretaMan, vou te dizer algo: Eu tenho livre arbítrio, as minhas escolhas são de minha responsabilidade e não devo satisfação a ninguém. Eu só não sou é puxa saco que considero uma vileza eno

    4. Eu é quem pergunto: E aí? Então chegaram onde eu queria, o problema é que vocês sofrem de amnésia de fatos recentes, quando o Mito de vocês disse que não se intrometeria em assuntos da Câmara

    5. A partir o momento que negocio um cargo seja qual for, na Câmara Federal, com um indivíduo que é um notório corrupto, então é o que? Se negocio com bandido, bandido sou. Simples assim.

    6. O PSL fez essa aliança de apoio. Não gosto disso.Mas não foi o executivo que fez isso camarada. Aí está a ma fé. Esse bolinha já estava costurando apoio há muito. Queriam isolar o PSL. E aí?

    1. O nome disso é Entrismo e eles são tirados da produção para isso. Eles não eram comissionados. Eles perceberam a importância do Antagonista para os canais independentes e tentam minar essa fonte

    1. O Antagonista precisa da mídia tradicional para ser media watch. Senão vão ter que fazer jornalismo e isso custa caro.

  25. O Antagonista quer o que? Que não haja aprovação de uma reforma decente da Previdência? Já esqueceu que foi a sua maracutaia fracassada com Janot e Joesley que impediu a mesma coisa?

    1. Deixe de querer defender o Temer, rapaz. Ele tem esse e outros casos pra prestar explicações ora justiça. Não vai ganhar cargo em embaixada. Não vai ter foro.

    2. Bem lembrado, Eduard. Tem q fazer acordo sim, e é p várias reformas. Tem gnt tão baixa q mergulhou o país nessa recessão, ñ se contenta com a Merd@ q o BR está e ainda torce contra. Almas Sebos

  26. A “ linha editorial “ da FSP nos últimos tempos só merece o desprezo. Raras coisas se salvam. Parem de dar importância! Virou jornaleco de quinta! Sem o mínimo de isenção.

  27. Já tá na hora dos coleguinhas cobrarem seriedade e compromisso com a verdade para esse povo. Depois reclamam que a população está sendo hostil aos jornalistas. Olha só o exemplo….

    1. … na área da economia? Além do fato dessa palavra dele não vale nada, e ele ainda poder votar pautas bomba, ainda tem o fato de Renan, e Maia, não terem nenhum compromisso com a agenda…

    2. Pelo mesmo conformismo de alguns, em breve teremos que chancelar a narrativa do Bivar e da Joice, chamando Renan de presidente do senado, se ele prometer comissões e votar alguma coisa…

  28. Sempre com segundas intenções até qdo supostamente “ elogia”. Seu Datafake ficou espalhando fake pesquisa sobre privatizações. Agora esssa… só querem causar turbulência. Isso é jornalism

  29. Deixem de demagogia em querer tapar o sol com a peneira. Foi toma lá, da cá mesmo. Agora, são se sabe o que foi negociado, dizem os mais otimistas que foi em troca de cargo na Câmara.

    1. … não importa se, apoiando outro nome, o PSL possa ocupar tais comissões, mesmo não sendo eles. Eis a questão. Tem que ser eles, senão, não faz sentido eles lutarem por alguém como Maia.

    2. Pro Paulo que está defendendo a luta por Maia, que Joice e Bivar estão protagonizando, não vês que isso está parece donum estrelismo pessoal, dos dois. Querem ser eles a ocuparem comissões.

    3. Escuta sujeito, se você não quer enxergar isso é problema seu. Quero ver, quando barganhar comissão no senado para apoiar a candidatura do Renan, o que vocês dirão, seus idiotas.

    4. Comparar essa sua comparação de “toma-lá-dá-cá” X negociação legítima, é a você querer chamar essa sua vigarice de argumento. Petista tucano pnc é incurável mesmo! E não adianta negar:

    5. “toma-lá-dá-cá supõe outra coisa”. Foi barganha de cargos legais e lícitos, para fins lícitos, não conluio para saquear a nação.

    6. Então! foi ou não foi uma barganha, um toma lá, da cá? Ou você não sabe o que é isso puxa saco, imbecil?! E cargo foi oferecido sim! seu palhaço.

    7. Voce deve ter menos de 14 anos com essa sua mentalidade burra. Barganhar faz parte do congresso, nenhum cargo foi oferecido. apenas apoio do partido.

    1. Mas é um toma lá dá cá. É o Brasil entregue ao Maia, que é um zero à esquerda, em troca de uns cargos ora quem está luta do por esse apoio.

  30. Alguém eles tinham que escolher. Foi uma escolha óbvia e natural. Com certeza houve uma conversa para saber a posição do Botafogo com relação as pautas, mas não foi um toma lá da cá.

    1. Foi. Não do Bolsobaro, ou do PSL todo, mas de membros que certamente serão nomeados pra comissões. Querem brilho. Não importa se Maia não pautará agendas anti-corrupção ou conservadoras.

  31. E o que o Bolsonaro está ganhando que não seja o ganho de qualquer brasileiro? Se o preço é a volúpia do gordinho, que seja! Oi haveria chance de outro ganhar? Lembram da Dilma indo contra o Cunh

  32. Rodrigo Maia é do DEM; ele e seu partido foram oposição ao petismo. Não vejo ele como o continuísmo propalado por muitos. Ele representou uma renovação ao tomar lugar do Eduardo Cunha.

    1. É incrível. Defensores do Maia? E o que ele fez nas 10 medidas? E a não abertura de CPIs importantes, como a da une? E a quase abertura da CPI da lava-jato?

    1. Vazamentos de conversas do zapzap dizem outra coisa, e tem Bivar dizendo que responde pelo PSL mesmo sem consultar os eleitos, e mesmo com ele sendo uma figura quase nula, na era Bolsonaro.

    2. Agora vamos canonizar o Mito de vocês, tal como a madre Teresa de Calcutá. É claro que o PSL fez acordo, visando interessas do governo.