Torquato aceita TCU na leniência

Torquato Jardim definiu que os acordos de leniência terão anuência prévia do TCU. Na era petista, queriam apenas a presença da AGU, do MPF e da CGU nas negociações.

Muito bem, ministro.