"Tráfico nem devia ser crime", diz candidato do Novo sobre André do Rap

Candidato a vereador em São Paulo pelo Novo, o empresário Marcelo Castro defendeu a decisão de Marco Aurélio que mandou soltar o traficante André do Rap. Depois, se desculpou.

“Tráfico nem devia ser crime”, escreveu ontem no Twitter.

Hoje, disse que não sabia que o caso tratava “de um chefão do PCC”. “Com esse nome, achei que era vendedor de droga de baile funk.”

Leia mais: Combo Crusoé e O Antagonista+: comece a ler por apenas R$ 1,90
Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 138 comentários
TOPO