“Tragédia institucional”

Gilmar Mendes disse a O Globo que, se o dinheiro depositado em contas no exterior em favor de João Santana pagou a campanha de Dilma Rousseff, será uma “tragédia institucional”.

Ele disse também:

“Se comprovado, mostra o abuso de poder econômico, caixa dois. Em suma, tudo o que se puder imaginar”.