ACESSE

TRF-4 reduz pena de Bendine

Telegram

Aldemir Bendine, ex-presidente da Petrobras, teve sua pena reduzida para 7 anos e 9 meses de prisão pelo TRF-4, em sessão realizada na quarta-feira.

Em março do ano passado, Bendine havia sido sentenciado por Sergio Moro, em primeira instância, a 11 anos de prisão pelos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro.

Os desembargadores do TRF-4 mantiveram a condenação por corrupção, mas absolveram o ex-presidente da Petrobras do crime de lavagem — o que acabou reduzindo a pena.

Bendine ainda terá de pagar uma multa de R$ 250 mil e poderá ficar em liberdade até a análise dos recursos.

Segundo o Ministério Público Federal, Bendine recebeu R$ 3 milhões em propina da Odebrecht para facilitar contratos entre a empreiteira e a Petrobras.

Ataque a Moro e à Lava Jato é fruto de ação hacker ampla e estruturada. Saiba mais

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 15 comentários