Tribunal decide manter prisão de nove deputados da Alerj

Por unanimidade, o TRF-RJ concordou com a conversão da prisão temporária em preventiva dos deputados da Alerj presos na Operação Furna da Onça.

Com isso, permanecem detidos, sem previsão de sair, André Corrêa, Chiquinho da Mangueira, Coronel Jairo, Luiz Martins, Marcos Abrahão e Marcos Vinícius de Vasconcelos Ferreira Neskau.

Um lobista já é apontado como fonte de problemas do futuro governo Bolsonaro. LEIA AQUI

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

Ler mais 9 comentários