ACESSE

TSE decide reabrir ações que pedem cassação da chapa de Bolsonaro

Telegram

Por 4 votos a 3, o plenário do TSE decidiu que duas ações que pedem a cassação da chapa de Jair Bolsonaro e Hamilton Mourão devem retornar à chamada fase de instrução do processo.

Com isso, os casos seguem abertos em tramitação na Justiça Eleitoral e ganham mais tempo para a etapa de produção de provas.

As ações dizem respeito ao ataque hacker à página “Mulheres Unidas contra Bolsonaro”, que reunia mais de 2,7 milhões de pessoas no Facebook, foi invadida e alterada para “Mulheres com Bolsonaro #17”.

O relator, Og Fernandes, foi voto vencido no caso, assim como os ministros Luís Felipe Salomão e Alexandre de Moraes. A divergência, vitoriosa, foi aberta por Edson Fachin e acompanhada por Tarcísio Vieira, Carlos Velloso Filho e Luís Roberto Barroso, o presidente do TSE.

 

Leia mais: Um amigo aconselhou Bolsonaro a renunciar. O presidente resiste. E tem um plano para ir até o fim

Comentários

  • Marco -

    Estão com medo de tirar SÓ o BOLSONARO e deixar o Mourão. Sabem que o vice os preocupa. Cambada de calhordas

  • Margarete -

    Presidente traidor. Fez tudo ao contrário do que prometeu em campanha. Enganou a nação .🤡NARO traidor. Fora!

  • MARCO -

    Antagonistas, um alerta: O Partido Comunista Chinês compra os jornalistas venais, mas, por serem venais, serão os primeiros a serem eliminados. Vale também para políticos e juízes.

Ler 152 comentários