TSE pode cassar prefeito da maior cidade governada pelo PT

O TSE marcou para amanhã a retomada do julgamento de um processo que poderá resultar na cassação de Ary Vanazzi, prefeito de São Leopoldo, no Rio Grande do Sul, atualmente a maior cidade do Brasil comandada pelo PT.

Alvo de mais de 30 processos, o prefeito tomou posse graças a uma liminar de Rosa Weber — do fim de 2016 –, que contrariou a cassação determinada pelo TRE do estado uma semana após as eleições daquele ano. O MP Eleitoral não tem dúvida de que o petista enriqueceu ilicitamente e promoveu danos ao erário.

Gilmar Mendes já votou pela cassação do prefeito. Rosa apresentará seu voto-vista.

Temas relacionados:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

  1. Agora me expliquem uma coisa. Como alguém do Rio Grande do Sul vota em um partido que é a favor do aborto, da pedofilia, da ideologia de gênero e do comunismo entre tantas outras sandices?

Ler mais 11 comentários
  1. Agora me expliquem uma coisa. Como alguém do Rio Grande do Sul vota em um partido que é a favor do aborto, da pedofilia, da ideologia de gênero e do comunismo entre tantas outras sandices?

  2. São Leopoldo, São Seopoldo. Primeiro qual a origem desse Prefeito: seria de algum Sindicato? porque os que saem de Sindicatos lembra aquele filme de Marlon Brando. Essa turma do PT é uma vergonha para seus próprios militantes. Vejam o caso do Pimenta ai do RS. Outro desavergonhado, cujo primo o está desmascarando. Chega dessa pelegaiada bons Gauchos. E cuidado que até o GAS, mesmo sendo alemão, não é um BOM que se cheire.

  3. Porra é inacreditável que existe TSE, STF 1a turma e STF 2a turma e o mensageiro do capeta está em todas elas. O Brasil é um circo armado para foder o povo.

    1. Deve ser Rio Branco AC, ainda tem Araraquara com aproximadamente 230 mil habitantes, sendo desgovernada por Edinho outro petralha condenado.