TSE pode declarar Lula inelegível antes do horário eleitoral, avaliam advogados do PT

O TSE pode julgar o registro de candidatura de Lula, declarando-o inelegível, antes do início do horário eleitoral, previsto para 31 de agosto.

É o que avaliam nos bastidores advogados do PT, que tinham uma expectativa de que o tribunal analisasse a questão somente na semana do dia 12 de setembro, registra Andréia Sadi no G1.

“O assunto foi tratado entre Lula, que está preso em Curitiba, e aliados, na semana passada.”

O tribunal tem até o dia 17 de setembro – 20 dias antes do primeiro turno das eleições (em 7 de outubro) – para julgar casos de inelegibilidade, mas tem dado sinais, por declarações de ministros , de que o caso não deve se prolongar e de que Lula, enquadrado na Lei da Ficha Limpa, não poderá ser candidato.

“O cenário que prolonga o julgamento do registro é o desejado pelo PT porque o partido quer incluir Lula como candidato à Presidência na propaganda na TV.”

PT acelera fim de Lula

Haddad contra Gleisi

A candidatura de Lula é como um derrame

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

Ler mais 19 comentários
  1. É bom que o façamlogo, sob pena de tornarem as eleições inválidas! Foto de candidato inelegível para transferir votos para outro candidato é MALANDRAGEM! Mourão estava certo…

  2. O ladrão não está acima da lei embora os $$$T$$$ sejam instituições venais e desonestas, a parte mais podre da instituição e, certamente, com um bom suborno irão ceder ao desejo do condenado.

  3. o tse precisa declarar o politico preso em Curitiba como INELEGIVEL, antes do horário eleitora e acaba com essa palhaçada de uma vez por todas. o pt so enche o saco de todo mundo. que seita podre

  4. Cassou o ladravaz,aproveita e mande safado pra cela ao lado do marcola,e ali que ele vai escrever MEMORIAS DO CARCERE, e viver seus ultimos anos de vida.Tem que vir a público e pedir perdao

  5. Que o TSE tenha a decência de nos poupar do desprazer de ver um bandido PRESIDIÁRIO posando de candidato à presidência. Que a “cadeia nacional” dele continue a mesma que fez por merecer!