TST vai julgar greve nos Correios, que já dura mais de 10 dias

O Tribunal Superior do Trabalho informou nesta sexta-feira (28) que, sem acordo entre os funcionários e a estatal, a greve nos Correios irá a julgamento. A data, porém, ainda não foi definida.

O processo será relatado pela ministra Kátia Arruda. De acordo com o TST, houve reuniões na quarta (26) e na quinta (27) entre representantes dos trabalhadores e dos Correios, mas não se chegou a acordo para suspender a paralisação.

A greve começou no último dia 17. Segundo o sindicato da categoria, os grevistas são contra a privatização da estatal, reclamam do que chamam de “negligência com a saúde dos trabalhadores” na pandemia da Covid-19 e pedem que direitos trabalhistas sejam garantidos.

Alguém realmente sentiu falta dos Correios nos últimos dez dias?

Leia mais: Sócios no desastre: a responsabilidade dos governadores na pandemia. Clique aqui para ler mais
Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 37 comentários
TOPO