A Turma da Mônica no Supremo

Telegram

O STF anunciou no Twitter uma parceria com a Editora Maurício de Sousa, do criador da Turma da Mônica, para distribuir 400 mil gibis em escolas públicas de todo o país.

A ideia, diz o site do Supremo, é tratar “temas sérios” como direitos e garantias individuais e a estrutura do Poder Judiciário “de forma lúdica”.

O Antagonista não conseguiu apurar se o gibi inclui Cebolinha explicando o plincípio da colegialidade ou Cascão reclamando da mídia opressiva.

Comentários

  • V. -

    Uma professora negra, uma criança cadeirante, constituição na mão.... hummmm!!! Faltou a criança viada, o sem terra, o sem teto e a foice com o martelo para ficar o retrato perfeito do STF!

  • Maria -

    Como cidadã contribuinte, não concordo. Se não for absolutamente imparcial, a historinha será doutrinação, sim. Mormente neste inferno astral por que passa o stf. Queria saber como foi a escolha, a licitação, o preço. Isso pode, Arnaldo? 400.000 gibis? Será quanto sairá cada um? Imagina o total!!!

  • luiz -

    e muito simples os amigos se ajudarem,e queimarem nosso dinheiro com parcerias que não levam a caminho nenhum ,o alcance seria maior se em escolas tivesse matéria ligadas a este tema e não em gibizinhos com cebolinha e cascão ,sujinho igualzinho nosso STF.

Ler 83 comentários