Um caminho para Raquel Dodge

Há quem acredite que, se não for reconduzida ao cargo de PGR, Raquel Dodge pode ir para a iniciativa privada.

As portas de grandes bancas de advocacia estão abertas para ela.

Prepare-se para combater esse “velho Brasil”. Saiba mais AQUI

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

Ler mais 80 comentários
  1. rsrsrsrs.. os carros Dodge são muito ruins.. sairam do mercado…certas pessoas gostam mesmo é das boquinhas publicas.. e figurões do judiciario só voltam aos escritórios para traficos auriculare

  2. Nunca teve chance alguma de ser reconduzida, chance zero, nada! Vai continuar defendendo bandidos e corruptos como adEvogada e esquecida como tudo de podre nesses anos todos do pt/pmdb.

  3. Há quem duvide que esta senhora esquerdista não seja reconduzida pro cargo? Jamais Jair Bolsonaro nomearia pessoas que relativizam a imunidade parlamentar (art.53) dos deputados.

    1. Só serve se for um nome conservador. Creio que, nesse caso, Jair Bolsonaro não vai se prender à lista tríplice.