Um outro Bolsonaro

Um outro Bolsonaro
Foto: Marcos Corrêa/PR

“Se a eleição fosse hoje, indicam as pesquisas, Bolsonaro prevaleceria com folga sobre Lula”, diz Josias de Souza.

“Mas o jogo não está jogado (…).

Beneficiário do antipetismo, maior força eleitoral da sucessão passada, Bolsonaro fornece material capaz de potencializar uma onda emergente: o anti-bolsonarismo (…).

Ou Bolsonaro dá um cavalo de pau no seu governo, ou se arrisca a chegar a 2022 como candidato favorito a fazer de um outro Bolsonaro o próximo presidente do Brasil.”

Leia mais: Apoie o jornalismo investigativo e verdadeiramente independente da Crusoé, em uma condição especial
Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 156 comentários
TOPO