Uma nova desculpa para dividir o ministério de Moro

Sergio Moro foi avisado por aliados que a crise da segurança no Ceará deverá ser usada para reacender o debate sobre a divisão do Ministério da Justiça e da Segurança Pública, publica a Crusoé.

Auxiliares do ministro da Justiça disseram, porém, que Moro demonstra estar tranquilo em relação ao assunto.

Para ele, Jair Bolsonaro não cederá às pressões para a recriação do Ministério da Segurança Pública.

Comentários

  • Beto -

    Mundo Rural Busness- A jogada de mestre do capital chinês (YouTube) vejam e entendam

  • JONE -

    Os canalhas não desistem.

  • Carlos -

    Sempre novas intrigas surgem de Brasília. Incessantes. Até a hora queuma delas se torne real e acabem com o ministério. Minha aposta, Moro fica até novembro, quando ganha o cargo no STF e aí os p

Ler 78 comentários