Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Uma semana após derrota, Lira volta a defender a PEC da Vingança

Presidente da Câmara agradeceu aos parlamentares que votaram favoravelmente ao texto que criava amarras ao trabalho de promotores e procuradores
Uma semana após derrota, Lira volta a defender a PEC da Vingança
Reprodução/Youtube/Câmara dos Deputados

Arthur Lira (foto) voltou a defender a PEC da Vingança uma semana após a derrota em plenário. Em pronunciamento há pouco, o presidente da Câmara agradeceu aos parlamentares que votaram favoravelmente ao texto que criava amarras ao trabalho de promotores e procuradores.

“Quero agradecer aos parlamentares que se mantiveram firmes porque não há por parte da imprensa quem tenha uma crítica a fazer ao texto da PEC. Todos os pedidos que o MP fez foram atendidos e dois artigos redigidos por eles”, disse.

O presidente da Câmara ainda afirmou que após o debate sobre a proposta, os procuradores enviaram ao procurador-geral da República uma proposta para criar um código de ética.

“Não querer paridade com a sociedade civil é um absurdo porque todo Poder precisa de freios. O MP nem é um Poder. É uma instituição, mas precisa de freios”, afirmou.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO