Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Urgente: Congresso está prestes a dar o golpe de R$ 5,7 bilhões do fundão

É um escândalo o que está acontecendo nos bastidores do Parlamento nesta quinta-feira. Texto já foi aprovado na comissão e agora será apreciado em plenário
Urgente: Congresso está prestes a dar o golpe de R$ 5,7 bilhões do fundão
Foto: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados

É preciso que fique bem claro o que está sendo orquestrado nesta quinta-feira (15) no Congresso, com o apoio ou, no mínimo, a omissão de quase todas as lideranças partidárias.

Como noticiamos há pouco, a Comissão Mista do Orçamento (CMO) já aprovou o aumento de R$ 2 bilhões para R$ 5,7 bilhões das verbas destinadas ao fundo que abastece campanhas políticas, o fundão.

Agora, está tudo pronto para que essa aprovação seja validada em sessão do Congresso.

Tudo feito às pressas, a toque de caixa, com o nosso dinheiro, enquanto nos entretemos com CPI da Covid e sofremos com a pandemia sem fim.

Deputados e senadores só poderão entrar de férias — o tal recesso parlamentar do meio do ano — se aprovarem a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), incluindo o golpe do fundão. E é exatamente o que eles farão.

Estamos diante de mais um escândalo a ser concretizado nas próximas horas em Brasília. Mas os brasileiros, em grande parte, cansaram de se indignar.

E mais: ontem à noite, tarde da noite, os senadores aprovaram, sem muito alarde, a volta da propaganda eleitoral na televisão e no rádio, com dinheiro do fundão, ou seja, com o nosso dinheiro. A proposta, capitaneada por caciques partidários, ainda precisará ser aprovada na Câmara, o que não será, digamos, muito difícil.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO