Urgente: Homem de confiança do presidente da Petrobras é demitido por suspeita de 'insider trading'

Urgente: Homem de confiança do presidente da Petrobras é demitido por suspeita de insider trading
Foto: Fábio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

O executivo da Petrobras Cláudio da Costa, um dos principais da estatal, foi demitido sob suspeita de negociar ações da empresa quando soube que Jair Bolsonaro decidiu demitir Roberto Castello Branco, segundo a Crusoé.

O executivo, que ocupava o cargo de gerente de recursos humanos, era homem de confiança de Castello Branco.

“A suspeita surgiu depois que os controles internos da Petrobras identificaram, em checagens de rotina que Costa vendeu as ações da Petrobras que possuía bem no auge da crise ocasionada pela decisão de Bolsonaro de tirar Castello Branco do cargo, diz a revista.

Leia aqui a reportagem completa.

 

Leia mais: Pois é, nada mudou da esquerda para a direita.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO