ACESSE

Urgente: Ministro diz que houve erro e vai cancelar ato contra 'bancadas religiosas'

Telegram

O ministro dos Direitos Humanos, Gustavo Rocha, acaba de informar a Ronaldo Fonseca, ministro da Secretaria-Geral da Presidência da República, que a liberação de 100 mil reais — sem chamamento público — para uma ONG abortista realizar um seminário contra “as bancadas religiosas” no Congresso, como revelamos, “foi um erro cometido por uma secretária exonerada”.

Rocha disse que está “realizando o estudo jurídico para cancelar o ato”.

Comentários

  • Cheila -

    O Estado é laico. 😡

  • Leila -

    A tramoia veio à tona, ganhou as redes sociais, virou "engano". E se não tivesse sido publicado pelo Antagonista? Bando de víboras!

  • O -

    Os dados estarem disponíveis no portal da transparência, agora se certificarão de ocultar o opoio. A pauta globalista supranacional esta tratorando a América Latina, mesmo contra o interesse e cultura das sociedades locais.

Ler 50 comentários