Use o SUS

O empresário Ildefonso Colares Filho, ligado à empreiteira Queiroz Galvão, pediu liberação parcial de valores bloqueados pela Justiça para pagar suas despesas “com custoso tratamento de saúde”.

Sabe o que o procurador Januario Paludo, da Lava Jato, sugeriu?

O mesmo que se cobra de Lula na internet quando ele recorre ao Sírio Libanês: que use o Sistema Único de Saúde (SUS).

A Sérgio Moro, segundo o Estadão, o executivo havia apresentado uma tabela com despesas médicas que somaram R$ 391.352,90 em 2016.

Faça o primeiro comentário