“Vá trabalhar, saia da internet”, diz governador do Rio a Marcelo Freixo

“Vá trabalhar, saia da internet”, diz governador do Rio a Marcelo Freixo
Foto: Philippe Lima/Governo do Estado do Rio de Janeiro

O governador do Rio de Janeiro, Cláudio Castro, usou as redes sociais neste domingo de Páscoa para rebater as acusações do deputado Marcelo Freixo sobre a responsabilidade do governo do estado em relação às mortes por Covid na pandemia. 

Deixe de ser covarde e pare de fazer politicagem com a dor das famílias que perderam seus entes para a pandemia. Vá  trabalhar, saia da internet e faça alguma coisa de útil pelo seu estado”, escreveu o governador.

Também no Twitter, o deputado do PSOL chamou o governador de “covarde” e disse que ele é submisso a Jair Bolsonaro ao impor uma “política negacionista” de combate à pandemia.

696 doentes estão à espera de um leito de UTI no Estado enquanto você faz festinha de aniversário. 411 pessoas morreram ontem. Abrir leito é sua obrigação como governador”, escreveu Freixo.

Como mostramosCláudio Castro comemorou seu aniversário em uma festa no domingo passado, em Petrópolis. Dois dias antes, o governador havia pedido à população para evitar festas.

Leia mais: Assine a Crusoé, a publicação que fiscaliza TODOS os poderes da República.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO