Vacinado, Alckmin não comenta crise aberta por Doria no PSDB

Vacinado, Alckmin não comenta crise aberta por Doria no PSDB
Foto: Afonso Braga/CMSP

Geraldo Alckmin, que tem 68 anos, recebeu sua primeira dose da vacina contra a Covid-19 nesta quarta (10), informa a Folha. Médico, o ex-governador paulista faz doutorado e frequenta o Hospital das Clínicas, onde dá cursos e atende.

“Estou me dedicando à medicina, estou até terminando o doutorado, hoje [quinta] é até meu dia no Hospital das Clínicas, dando aula. Vou falar de política só daqui a uns três meses”, disse o tucano ao jornal paulistano.

Alckmin não quis comentar a crise deflagrada no PSDB por João Doria, que iniciou articulação para assumir a presidência do partido e expulsar Aécio Neves —gerando imediata reação contrária não só de Aécio como do atual presidente da sigla, Bruno Araújo, e da ala ligada a Eduardo Leite.

“Tirei um período dedicado à medicina e ao magistério, então não tenho participado muito [da política]. Não tenho comentado, tenho observado”, declarou o ex-governador.

Leia mais: Assine a Crusoé, a revista que não tem medo de apontar os verdadeiros culpados pelas mazelas brasileiras.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO