'Vai ter paciente no corredor', diz secretário da Saúde de SP após anunciar 'operação de guerra'

Vai ter paciente no corredor, diz secretário da Saúde de SP após anunciar operação de guerra
Foto: Governo do Estado de São Paulo

O secretário da Saúde de São Paulo, Jean Gorinchteyn, anunciou nesta sexta (5) uma “operação de guerra” no sistema de saúde para acolher pacientes com Covid-19 no estado, que inclui a convocação de profissionais de saúde voluntários.

Em entrevista coletiva, o secretário pediu ajuda a conselhos regionais de profissionais de saúde na convocação dos voluntários e admitiu que pacientes sejam atendidos nos corredores de hospitais, desde que não fiquem desassistidos.

“Vamos continuar abrindo leitos dentro dos hospitais. Abriremos em qualquer lugar desses hospitais: seja nos anfiteatros, seja nos ambulatórios, seja nos corredores. Ah, paciente no corredor? Vai ter paciente no corredor, o que nós não queremos é paciente desassistido”, declarou Gorinchteyn.

“Precisamos agora do apoio dos conselhos regionais de classe: do Conselho Regional de Medicina, do Conselho Regional de Fisioterapia, do Conselho Regional de Enfermagem, para que nos ajudem com voluntários. Nós precisamos de ajuda. Porque estamos em guerra”, acrescentou.

Leia mais: Pois é, nada mudou da esquerda para a direita.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO