“Vamos investigar caso a caso”

Osmar Terra, ministro do Desenvolvimento Social e Agrário, considerou “um escândalo” a doação milionária de beneficiários do Bolsa Família para candidatos às eleições municipais.

“Não sabemos se essas pessoas vão ser desligadas do Bolsa Família, porque às vezes estão usando o CPF da pessoa e ela nem sabe. Mas nós vamos fazer uma investigação caso a caso e, se for constatada uma irregularidade, a pessoa vai ser desligada.”

Os dados também vão possibilitar à própria Justiça Eleitoral investigar se os doadores tinham condições de fazer as doações.