ACESSE

"Vamos nos mobilizar para reverter esta decisão absurda"

Telegram

Nota de João Amôedo sobre a decisão de Marco Aurélio Mello de soltar condenados em segunda instância:

“Criminosos de todos os tipos, como políticos, empresários e outras pessoas que foram condenados por corrupção e desvios de dinheiro público, como Lula, não podem ser colocados em liberdade por uma decisão monocrática de um ministro, tomada no último dia de trabalho no Judiciário, para que não possa ir a plenário.

Vamos nos mobilizar para reverter esta decisão absurda. O Brasil não pode dar um passo atrás na luta pelo fim da impunidade.”

Este é o assunto desta semana. E da próxima semana. Mas você precisa saber de todos detalhes AGORA

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 45 comentários