ACESSE

"Vamos ter uma primeira-dama da Ceilândia ou não vamos?"

Telegram

Jair Bolsonaro participa nesta manhã de uma carreata em Ceilândia, cidade da sua esposa e a mais populosa do Distrito Federal.

“Vamos ter uma primeira-dama da Ceilândia ou não vamos?”, perguntou ele, do alto do carro de som, segundo registro do site Metrópoles.

O candidato do PSL voltou a defender o porte de armas.

“Vamos fazer respeitar o referendo de 2005, onde o povo optou por comprar arma de fogo.”

A reportagem diz que “alguns presentes ao ato, mais exaltados, hostilizaram a imprensa, o que levou a organização da carreata a repreender os militantes, pedindo mais educação”.

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 118 comentários