“Várias dezenas de milhões de euros ao universo restrito de Lula da Silva”

O Estadão repercutiu a reportagem de O Público:

“A Polícia de Portugal está investigando pessoas próximas ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, bem como a ex-governantes e gestores brasileiros e portugueses, num inquérito relacionado ao negócio fechado entre a operadora Oi e a Portugal Telecom (PT) em 2010”.

O ótimo Jamil Chade, correspondente do jornal em Genebra, consultou suas fontes e foi além:

“O Ministério Público português confirmou ao Estado que existem duas investigações ocorrendo em paralelo e que a cooperação com o MP brasileiro tem sido ‘constante’. Segundo o jornal, existe a suspeita de ‘pagamentos de várias dezenas de milhões de euros ao universo restrito do ex-presidente da República Lula da Silva, bem como a ex-governantes e gestores brasileiros e portugueses’.

O dinheiro teria vindo de empresas como a construtora Andrade Gutierrez, ‘através de territórios como Angola e Venezuela'”.

Ponto para o Estadão


Faça o primeiro comentário