Vazamento visa estancar fiscalizações da Receita sobre autoridades, dizem auditores

As duas principais entidades representativas de auditores da Receita condenaram, em nota, vazamentos de fiscalizações feitas pelo órgão sobre autoridades.

Um dos alvos foi o ministro Gilmar Mendes, que pediu uma investigação sobre servidores do órgão.

O Sindifisco e a Unafisco dizem que o trabalho da Receita sobre “pessoas politicamente expostas” é “impessoal e técnico”, “sério e criterioso”, mas os vazamentos “parecem ter o caráter de criar uma crise institucional na Receita Federal, de forma a impedir o avanço dos trabalhos no órgão”.

“O autor desses vazamentos parece também ter três objetivos:
• constranger a Receita Federal, um dos alicerces da Operação Lava jato no combate à sonegação, à lavagem de dinheiro e à corrupção;
• desmoralizar a Equipe Especial de Programação de Combate a Fraudes Tributárias (EEP Fraude), grupo criado no Fisco para apurar possíveis irregularidades tributárias envolvendo agentes públicos; e
• estancar as fiscalizações de Pessoas Politicamente Expostas possivelmente envolvidas em crimes contra ordem tributária e outros.”

“A seleção de 134 contribuintes pela EEP Fraude é produto de um trabalho sério e criterioso, e sua divulgação interessa apenas àqueles que querem inviabilizar a fiscalização. Mais uma vez tentam fazer espuma e cortina de fumaça para desviar a atenção do mérito.”

Bolsonaro Tem Até 29/3 Para Salvar a Sua Aposentadoria. SAIBA MAIS

Temas relacionados:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

Ler mais 83 comentários
  1. Fui prejudicado pela Ministra do STJ, que está, conforme publicação em jornais, sendo investigada por ocultação de patrimônio e rendimentos. Em um processo contra a Cia Aliança do Brasil. Con

    1. Até onde eu entendi, a Receita Federal ficou com o Guedes, então o Moro só teria haver se houvesse crime fiscal que demandasse investigação da PF, cobre-se então do Min.Guedes alguma ação.

    1. Após várias sentenças a mim favoráveis no TRF2 a Dra Maria Isabel Galoti, com despacho totalmente esdrúxulo, favorecer a Cia Aliança do Brasil. Tenho 81 anos de idade e me… (.cont. pag. segui

    1. Continuando: com 81 anos de idade vejo os 30 anos de pagamentos a Aliança do Brasil virar po’, com essa sentença absurda (sem nexo) da Dra.Isabel Galoti. E não sei se vou viver para ter meu recur

  2. A RFB usa os dados para obter vantagens pessoais e propina, muita propina. Os grandes criminosos (Políticos, Magistrados, Procuradores, Auditores, Fiscais) nunca são notados. Parasitas e ladrões!

    1. kkkkk…. sem um monte de “superior” autorizando o fiscal nem tem acesso aos dados. Você acha que os políticos que você põe lá estão de brincadeira?

  3. A Receita tem que INVESTIGAR SIM! Servidores da Justiça e familiares não estão acima dos demais brasileiros. Mas a Receita deve ficar atenta aos inimigos internos, aqueles que ajudam os investigado

  4. Autoridades deveriam ser exemplos de retidão e a punição, dobrada, em vista do cargo que exercem… Mas na banânia, são seres supremos, superiores e intocáveis… Legislativo e judiciário de b

  5. E por qual razão gilmar mendes não pode ser investigado, tem algo a esconder ?se nao convocar as ffaa e fazer uma varredura em Brasília e começar do zero sem corruptos e sem aliados de partidos po

  6. Vazamentos de delação, depoimentos, de parte dos autos de processos que deveriam correr sob segredo de justiça. Fora audios, mensagens escritas… Desde o mensalão ou antes, corre solto no BR!!!

    1. Quantos vazamentos haviam em relação à Temer e não vi nenhum ministro do stf se indignando com o fato. Os três poderes estão apodrecidos! É fato!

  7. Somos 100% pelos auditores. Parece evidente que o vazador agiu sob encomenda com o claro objetivo de amordaçar a RF. Por que será? Parlamentares e STF já articulam pra isso. E nós, para denunciá-

  8. Grave, gravíssimo o que Toffoli e a máfia corrupta de togas querem fazer, calar toda a Receita Federal e demais órgão fiscalizadores. Óbvio que querem atingir Moro. CANALHAS NÃO VENCERÃO, PORCO

    1. Eu não defini assim e a maioria não definiu assim, você defende uma organização criminosa? Pelo fim da receita federal e a tecnologia vai ajudar para acabar com isso

  9. Os dados fiscais dos contribuintes são sigilosos; essa é a Lei, de quem quer que seja, cabe a receita multar, se tiver ilegalidade, explicação, se tiver algum dado incorreto, divulgar dados não.

  10. Os tubarões querem que a Receita investigue apenas os bagrinhos. Assim, ao invés de milhões, a rede da Receita pega apenas alguns tostões, mas deixa as “otoridades” corruptas em paz!

    1. Virei libertário, não defendo o Estado, que é uma organização criminosa, que usa da ameaça a violência contra as pessoas para beneficiar os privilegiados amigos do rei

  11. Gilmar Mendes está se arriscando muito, podem mandar junto com o cabo e o soldado, o sargento Pescoção, que é muto carinhoso. Toffoli já declarou que se for só para levarem Gilmar, ele não se m

  12. O pior é que a dúvida paira sobre todos… Investigados e investigadores difícil acreditar em qualquer um deles, afinal os investigados fizeram traquinagens por muito tempo e os investigadores?