ACESSE

"Vazaram meu telefone, começaram a me ligar, ameaçando de morte, de estupro"

Telegram

A dona da empresa que impulsionou ilegalmente propaganda eleitoral de Lula e Gleisi Hoffmann nas redes sociais disse à Folha de S. Paulo que foi enganada pelo deputado petista Miguel Corrêa:

“Me sacanearam muito”.

Quando o esquema foi descoberto, ela passou a ser alvo de uma campanha intimidatória:

“Vazaram meu telefone, começaram a me ligar, ameaçando de morte, de estupro. Eu me isolei.”

A reportagem resumiu o caso:

“A empresária conta que a equipe de Corrêa pediu uma ação para testar o alcance dos seus influenciadores. Ela, então, intermediou a ordem para que eles divulgassem a hashtag Lulazord, a favor de Luiz Inácio Lula da Silva. A hashtag ficou entre os assuntos mais relevantes no Twitter, alcançando 10 milhões de visualizações.”

O FIM DOS AMIGOS DA ONÇA NO PLANALTO. LEIA AQUI

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 138 comentários