Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Vice da Câmara diz que só será votada hoje 'admissibilidade' da PEC da Imunidade

Vice da Câmara diz que só será votada hoje admissibilidade da PEC da Imunidade
Foto: Câmara dos Deputados

O primeiro vice-presidente da Câmara, Marcelo Ramos (PL-AM), disse que colocará em votação hoje apenas a admissibilidade da PEC que amplia a imunidade parlamentar.

“O compromisso meu é que hoje só será votada da admissibilidade. Quando será votado o primeiro turno e segundo turno, não posso firmar compromisso em data futura, porque isso depende do presidente da Casa, Arthur Lira”, disse Ramos.

A admissibilidade é uma votação preliminar, que geralmente ocorre na Comissão de Constituição e Justiça, em que basta a maioria simples (metade mais um dos deputados presentes) para permitir que a proposta avance e seja votada no plenário.

Como a PEC da Imunidade não passou pela CCJ, a admissibilidade também será votada diretamente no plenário, onde todos os 513 deputados podem participar.

Se a admissibilidade for aprovada, passa-se à votação da proposta em si em primeiro turno, que exige 308 votos para aprovação. Para ser encaminhada ao Senado, a PEC ainda precisa ser aprovada em segundo turno pelos deputados, com o mesmo número mínimo de votos.

Leia mais: Assine a Crusoé, a publicação que fiscaliza TODOS os poderes da República.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO