Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Vice-Presidência: Universal em Angola é "tema privado que repercute na sociedade brasileira"

Mourão confirmou ter discutido situação da igreja com o presidente João Lourenço
Vice-Presidência: Universal em Angola é “tema privado que repercute na sociedade brasileira”
Foto: Romério Cunha/ VPR

A Vice-Presidência da República publicou nota nesta quarta (21) em que chama a situação da Igreja Universal em Angola de “tema privado que repercute na sociedade brasileira”.

Mourão confirmou ontem (20) ter tratado da situação da Universal em reunião na semana passada com o presidente de Angola, João Lourenço.

O vice-presidente viajou para Angola na quarta passada (14) e voltou ao Brasil no sábado (17).

“No que diz respeito à questão da Igreja Universal do Reino de Deus, o Vice-Presidente ressaltou o fato de ser um tema privado que repercute na sociedade brasileira. Nesse sentido, foi solicitado ao Presidente Lourenço que o assunto fosse tratado “com base nos princípios do devido processo legal, da ampla defesa e do contraditório a todas as partes da controvérsia, sempre à luz do direito angolano”, diz a nota da Vice-Presidência publicada hoje.

A nota acrescenta que a pauta da Igreja Universal do Reino de Deus “foi abordada de forma breve e secundária”. Mourão teve vários compromissos em Angola, incluindo reuniões da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP).

A Universal passa por uma crise em Angola, país de mais de 30 milhões de habitantes.

Religiosos locais acusam missionários brasileiros de crimes financeiros e tomaram o controle de templos.

Mais notícias
TOPO