Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

A vice suspeita da Caixa

A vice-presidente de Fundos de Governo e Loterias da Caixa, Deusdina dos Reis Pereira, é suspeita de negociar um investimento de R$ 200 milhões, a ser feito pelo banco, em troca de um cargo para ela própria na Cemig (Companhia Energética de Minas Gerais), informa a Folha.

Os dados constam de uma apuração interna, feita pela Caixa, enviada ao MPF e à Comissão de Ética Pública da Presidência, que agora analisam o caso.

Num e-mail corporativo enviado em 2015 ao então presidente da Cemig, Mauro Borges, Pereira avisa:

“Amanhã apreciaremos no Conselho Diretor uma operação de crédito para a empresa no valor de R$ 200 milhões”.

E emenda:

“Continuo aguardando seu retorno quanto à minha indicação para o conselho”.

A insinuação de “troca de interesses” foi um dos motivos alegados pelo MPF para pedir a destituição de Pereira e demais vices da Caixa para que as nomeações passem a ser feitas por critérios técnicos – mas Michel Temer negou o afastamento de todos.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO