A vida “melhor” de Lula

A segunda música cantada na missa em homenagem a Marisa Letícia foi “O que é, o que é”, sucesso de Gonzaguinha.

Enquanto noticiávamos que Edson Fachin negou o pedido de Lula para evitar a prisão, os petistas entoavam os versos “Eu sei / Que a vida devia ser bem melhor e será”.

É um dia cômico.

A trilha sonora da prisão de Lula

A manha petista antes da prisão de Lula

Temas relacionados:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

  1. ESTE CACHACHEIRO BOSTA E FILHO DA PUTA, DEVIA TER IDO PUXANDO UMA CARROÇA!! E AGORA LUCAS SILVA? SÓ PROCURANDO ALGUÉM PRA COMER ESSE SEU CU ARROMBADO PRA VC SE CONSOLAR QUANDO VC SE DESGRUDAR AÍ DA REDAÇÃO DOS ANTAS… ME CAGANDO DE RIR DA SUA TRISTEZA E MELANCOLIA!!! CHUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUPA LUCAS SILVA!!!!! 😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄

Ler mais 19 comentários
  1. ESTE CACHACHEIRO BOSTA E FILHO DA PUTA, DEVIA TER IDO PUXANDO UMA CARROÇA!! E AGORA LUCAS SILVA? SÓ PROCURANDO ALGUÉM PRA COMER ESSE SEU CU ARROMBADO PRA VC SE CONSOLAR QUANDO VC SE DESGRUDAR AÍ DA REDAÇÃO DOS ANTAS… ME CAGANDO DE RIR DA SUA TRISTEZA E MELANCOLIA!!! CHUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUPA LUCAS SILVA!!!!! 😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄

  2. Esta missa me faz lembrar o “retiro espiritual” da seita do Jim Jonnes, nos Estados Unidos.
    Para o bem do país, seria ótimo se a seita do Lularápio imitasse também , o desfecho daquele ritual.
    Pra quem não conhece o caso procure na Internet sobre: Jim Jonnes, o pastor do diabo

  3. “O que será, que será?
    Que andam suspirando pelas alcovas
    Que andam sussurrando em versos e trovas
    Que andam combinando no breu das tocas
    Que anda nas cabeças, anda nas bocas
    Que andam acendendo velas nos becos
    Que estão falando alto pelos botecos
    E gritam nos mercados que com certeza
    Está na natureza

    Será, que será?
    O que não tem certeza nem nunca terá
    O que não tem conserto nem nunca terá
    O que não tem tamanho

    O que será, que será?
    Que vive nas ideias desses amantes
    Que cantam os poetas mais delirantes
    Que juram os profetas embriagados
    Que está na romaria dos mutilados
    Que está na fantasia dos infelizes
    Que está no dia a dia das meretrizes
    No plano dos bandidos, dos desvalidos
    Em todos os sentidos

    Será, que será?

    O que não tem decência nem nunca terá”

  4. É inacreditável ver tudo isso!! Um condenado, uma sentença judicial, grande parte da imprensa (e do país) exaltando e se comovendo com tudo isso. Que tipo de demência é essa?