ACESSE

Você também pagou pizzas, carpaccios e rodízios de Ciro Nogueira

Telegram

No mês passado, como registramos — veja aqui –, você pagou um lanchão de domingo do senador Ciro Nogueira, presidente do PP.

Mas não só.

Também em junho, o piauiense apresentou notas fiscais para ressarcimento — usando a cota parlamentar — nas seguintes ocasiões, conforme consta no Portal da Transparência do Senado:

— Em 6 de junho, uma quinta-feira, ele foi à noite a um restaurante italiano em Brasília e consumiu: 1 água, 2 carpaccios, 1 risoto e 1 vinho francês, além de 2 couverts. Pagou uma “gorjeta espontânea” de 51,8 reais. A conta ficou em R$ 450,30 e ele conseguiu receber de volta R$ 215,50 do Senado.

— Em 16 de junho, um domingo à noite, em Teresina, o senador pagou R$ 73 em duas pizzas: uma de marguerita e outra de calabresa. Descontando a taxa de entrega, o Senado reembolsou R$ 64.

— Em 18 de junho, uma terça-feira, Ciro Nogueira almoçou em uma churrascaria de Brasília. A conta deu R$ 730,77: foram 5 rodízios, águas, refrigerantes e cafés. O Senado ressarciu R$ 646,70.

A relação dessas refeições com o mandato do parlamentar fica por conta da imaginação de vocês.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Exclusivo: 3 semanas antes de Toffoli travar investigações baseadas em dados do Coaf e da Receita, o Fisco pediu explicações a empresas que contrataram os serviços do escritório da mulher dele. LEIA AQUI

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 71 comentários