ACESSE

"Vocês fecharam com o amigo do amigo do meu pai?"

Telegram

Na última terça-feira, diz a Crusoé, um documento explosivo enviado pelo empreiteiro-delator Marcelo Odebrecht foi juntado a um dos processos da Lava Jato que tramitam na Justiça Federal de Curitiba.

As nove páginas trazem esclarecimentos que a PF havia pedido a ele, a partir de uma série de mensagens eletrônicas entregues no curso de sua delação premiada.

A primeira dessas mensagens foi enviada pelo empreiteiro em 13 de julho de 2007 a dois altos executivos da Odebrecht, Irineu Berardi Meireles e Adriano Sá de Seixas Maia.

Marcelo Odebrecht pergunta aos dois:

“Afinal vocês fecharam com o amigo do amigo do meu pai?”.

Os assinantes da Crusoé podem ler a reportagem completa aqui.

Novo Antagonista: reserve seu lugar na semana de lançamento. Confira aqui

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 27 comentários