A votação do projeto Escola Sem Partido na Câmara

Telegram

O texto que será votado hoje, às 14h30, na comissão especial da Câmara dos Deputados criada para debater o projeto Escola Sem Partido, sofreu modificações na véspera, registra O Globo.

“A versão atual mantém a proibição do uso dos termos ‘gênero’ e ‘orientação sexual’ nas escolas, bem como veda a promoção do que o projeto de lei chama de ‘ideologia de gênero’ e ‘preferências políticas e partidárias’. Mas, se antes o projeto dizia que essas noções não poderiam estar presentes em livros didáticos e paradidáticos, agora a proibição é mais abrangente: os temas não podem fazer parte de ‘materiais didáticos e paradidáticos’, ‘conteúdos curriculares’, ‘políticas e planos educacionais’ e ‘projetos pedagógicos das escolas’.

As alterações na redação do projeto foram feitas ontem (terça) pelo relator, deputado Flavinho (PSC-SP), após análise de emendas.”

Bolsonaro presidente: você precisa entender o que isso significa. Leia AQUI

O projeto foi uma das bandeiras de campanha de Jair Bolsonaro.

Comentários

  • andre -

    O proselitismo jurássico no ensino brasileiro só será superado com algoritmos e IA. Os robôs serão o meio de evitar que nossos filhos se tornem autômatos do PT.

  • Beth -

    perda de tempo, façam o que quiser.... a internet está aberta para pesquisar qualquer coisa. E o meu rico dinheirinho de impostos sendo gasto com essa bobagem.

  • RENATO -

    rezemos que pase sem jabutis isso sera muito importante pro futuro do Brasil

Ler 53 comentários