ACESSE

Zambelli fala em "estado de exceção" e pede impeachment de ministro do STF

Telegram

Um dos alvos da operação da PF deflagrada hoje no âmbito do inquérito das fake news que corre no STF, Carla Zambelli usou o Twitter para se defender.

“Estamos vivendo um estado de exceção, ironicamente sob os aplausos dos que acusam o presidente Jair Bolsonaro de querê-lo”, escreveu a deputada do PSL.

Sem citar o nome do ministro Alexandre de Moraes, Zambelli pediu o impeachment do “responsável por esse absurdo”.

“Está na hora de o senhor Davi Alcolumbre cumprir seu dever constitucional e analisar com carinho os pedidos de impeachment contra o responsável por esse absurdo.”

Ela postou ainda:

“Toda pessoa que respeite a lei tem a obrigação de repudiar essas buscas no âmbito de um inquérito ilegal e inconstitucional, sem fato determinado e já arquivado pela PGR. Se você aplaude a ação ilegal contra seu adversário, não adianta reclamar quando ela se voltar contra você.”

Leia também: JORNALISMO DE VERDADE NÃO É PARA AGRADAR AOS PODEROSOS

Comentários

  • Paulo -

    A canalhada que está aplaudindo esse absurdo, incluindo O Antagonista, não perde por esperar.

  • PAULO -

    Enquanto o STF censurava a Crusoé e suspendia as investigações para beneficiar o Flavio Bolsonaro, tava tudo bem, agora que foram prá cima deles , começam a chorar, isso é que chamo de covardes.

  • Maria -

    A MENINA MALUQUINHA SURTOU!!! DEFINITIVAMENTE SURTADA.

Ler 128 comentários