Zelotes já ouviu Erenice e Miguel Jorge

Em dezembro, a Operação Zelotes ouviu Erenice Guerra e Miguel Jorge, ex-ministros do PT citados na Operação Zelotes.

Erenice é a mais enrolada, pois foi sócia do ex-conselheiro do Carf José Ricardo da Silva, um dos principais réus.

Jorge, que também negou tudo, teve uma subordinada denunciada: Lytha Spíndola, que foi secretária-executiva da Câmara de Comércio Exterior.

A PF poderá investigar, ainda, Nilton Sacenco, secretário de Desenvolvimento da Produção na gestão de Miguel Jorge, responsável por uma portaria de 2009 que renovou por 12 meses os incetivos da Caoa.