Zveiter: “Vitória artificial”

Sérgio Zveiter afirma que Michel Temer conseguirá na CCJ uma “vitória artificial” — derrotando o parecer pela admissibilidade da denúncia contra ele por corrupção passiva –, mas acrescenta que, no plenário, “quem foi tirado à força” da comissão não poderá ser trocado pelo governo.

8 comentários

  1. Família Zveiter é íntima da Famíglia Marinho, da REDE GLOBO. Os 3 mosqueteiros da GLOBO acham que o pai Roberto lhes deu autoridade pra governar o País. O povo vai prende-los!

  2. Uma notícia mal escrita não cancela o fato que ela comunica. Assim, apegar-se a tecnicismos não salvará temer. Pode desviar de um tiro calibre batista, mas na sequência virá uma rajada calibre cunha. O temer só ficará no poder se interessar ao pt e a permanência será assegurada pelo pt de toga, parte fundamental da ORCRIM.

  3. Agora esta claro porque o relator, mesmo sendo do PMDB, emitiu parecer contra o Temer. Esta apenas obedecendo ordens da Globo. Se fosse apenas um parecer até estaria ok. Mas ele esta militando pro Temer cair.,.,.

  4. Qualquer acadêmico de direito sabe que a denúncia de Janot e o parecer de Zweiter são imprestáveis juridicamente, o que não surpreende quem conhece o deputado fluminense e suas relações familiares. Chama a atenção o desespero daqueles que defendem uma possibilidade que não se confirmará no plenário da mesma forma que na Comissão de Justiça. Não se trata de defender Temer, que pelo fato de ter sido vice de Dilma, por duas vezes, já seria o bastante para defenestrá-lo, mas o momento do país requer uma contemplação diferente: com a saída de Temer renascem as possibilidades da ORCRIM.

  5. Fique tranquilo… Zveiter !!! Quem votar com o Temer … na comissão ou no plenário… estará encerrando sua carreira política junto com ele … E junto com o outro rapazinho também…

Comentários temporariamente fechados.
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.