ZWI MONITORADO

Zwi Skornicki vai cumprir prisão domiciliar com tornozeleira eletrônica.

O engenheiro, delator da Lava Jato, é o operador que pagou 4,5 milhões de dólares a João Santana e sua mulher durante a campanha de Dilma Rousseff, em 2014.

Faça o primeiro comentário