Agamenon: “O samba do afrodescendente doido!”

Pela primeira vez, desde Estácio de Sá, o Rio de Janeiro tem um carnaval gospel. Agora que o prefeito da Cidade Maravilhosa é o Bispo Marcello Crivella, o tríduo momesco virou evangélico de cabo a rabo. Aliás, rabo não que no rabo é pecado.

Na sexta-feira de carnaval, as Mil Trombetas de Jericó, que vieram direto da Terra Santa, tocaram no início das festividades momescas. Mas desta vez Momo não foi coroado. Porque o único Rei é Jesus, que, aliás, foi um grande carnavalesco, pois andou pela Galileia inteira vestindo um abadá. Jesus Cristo desfilava em tudo que era bloco carnavalesco: Palestina é Quase Amor, Toca Sauuuuul, Cacique de Amós, Me Beija Que Eu Sou Fariseu, Ressuscita o Lázaro. E ainda fundou o Meu Suvaco no Jardim Botânico. A escola de samba do coração de Jesus era a G.R.E.S. Império Romano.

No carnaval, o pessoal apelava para Cristo quando acabava a cerveja, pois Jesus era o único que conseguia transformar água em vinho ali, na hora, para desespero dos executivos da Ambev, que patrocinavam o carnaval na Faixa de Gaza. Carnaval bom mesmo era nos tempos bíblicos, conforme nos ensina o Antigo Testamento. Os carnavais de rua de Sodoma e Gomorra deixam qualquer cidade do Brasil no chinelo com a sua caretice e conservadorismo. E tinha os Bailes como As Mil Línguas de Babel, o baile gay O Sacrifício de Isaac e a matinê infantil do Tio Herodes.

Aliás, folheando a Bíblia, o livro sagrado, me ocorreu uma dúvida, que atormenta a minha alma inquieta: será que Deus não está na lista da Odebrecht? Sigam-me o meu raciocínio: Deus é brasileiro e é empreiteiro (construiu o Céu e a Terra), portanto pode muito bem estar envolvido em escândalos de corrupção em obras faraônicas. Senão, vejamos: como ficou a prestação de contas das obras de transposição do Mar Vermelho para os judeus fugirem do Egito? E a Torre de Babel? Até hoje inacabada! E a Arca de Noé? Quem financiou? Os estaleiros da Sete Brasil?

E se Deus realmente estiver na delação premiada, será que Ele vai ter direito a foro privilegiado? Ou só o Moreira Franco? Chega de teologia. Vai começar a Quaresma, época de recolhimento, quando o Tony Ramos não pode fazer anúncio da Friboi.

Armagedon Mendes Pedreira acha que o carnaval é o fim do mundo.

Faça o primeiro comentário