Aquarius queria forçar indicação ao Oscar

O Antagonista soube agora que o pessoal do Aquarius procurou o cineasta Rodrigo Teixeira, integrante da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas, para tentar, a todo custo, emplacar o filme no Oscar.

Para sensibilizar a academia, eles queriam que Rodrigo fizesse chegar aos demais membros um documento “denunciando perseguição política ao filme no Brasil”. Quem intermediou a conversa foi Eduardo Valente, assessor internacional da Ancine na era Dilma Rousseff.

Rodrigo disse não.

Essa turma não cansa de fazer papelão.

Faça o primeiro comentário