Com extinção de colegiados, presidente da Fundação Palmares concentra poder

Sete órgãos colegiados vinculados à Fundação Cultural Palmares foram extintos pelo presidente da entidade, Sérgio Camargo, informa a Crusoé.

Com isso, Camargo agora vai concentrar mais poderes em suas mãos.

A extinção dos colegiados foi confirmada em uma portaria publicada na edição desta terça-feira do Diário Oficial da União.

Leia também: A suspeita de um plano de espionagem no Planalto?

Foram extintos o Comitê Gestor do Parque Memorial Quilombo dos Palmares, a Comissão Permanente de Tomada de Contas Especial, o Comitê de Governança, o Comitê de Dados Abertos, a Comissão Gestora do Plano de Gestão de Logística Sustentável, o colegiado especial de Inventário e de Desfazimento de Bens e o Comitê de Segurança da Informação.

Ontem, como noticiamos, o presidente da Fundação Palmares ironizou a secretária especial da Cultura, Regina Duarte.

Comentários

  • Eduardo -

    Oba, vamos desratizar!

  • Brigada_Vermelha -

    Lixo humano esse cara!

  • Orlando -

    Engula mais essa, Regina! E espere para levar mais flechadas dentro de poucos dias. Por não ter dado ouvidos aos que a alertaram, você merece mesmo ser humilhada como está.

Ler 24 comentários