"Ele era democrático, mas virou a chave"

Depois de pedir demissão do cargo de secretário especial de Cultura do Ministério da Cidadania, Henrique Medeiros Pires fez críticas ao ministro Osmar Terra.

Os dois trabalhavam juntos desde o governo de Michel Temer. Pires foi chefe de gabinete do Ministério do Desenvolvimento Social, então comandado pelo atual ministro da Cidadania.

“Ele mudou. Era um cara extremamente democrático, mas virou a chave. Tomara que seja só uma fase”, disse o ex-secretário à Folha.

Como a Crusoé informou ontem (leia aqui), Pires pediu demissão alegando discordar do que classificou como atos de censura do atual governo.

Comentários

  • Chrisoula -

    A chave também virou na cabeça de Bolsonaro, está se mostrando um déspota. Ele que se cuide !!!!

  • Francisco -

    Isso é o que se chama de "cuspir no prato que comeu". Os corruptos e ladrões fazendo a festa e ele lá. Um bêbado contando estórias e uma querendo armazenar vento, e ele lá. Agora...

  • joao -

    sair chutando a porta e falando mal do chefe é uma desgra.ça pelada. faz isso não, filho. engula a raiva e a dor da saída. vá trabalhar e pare de mi-mi-mi.

Ler 27 comentários